fbpx

Aleitamento materno e dieta vegetariana

É comum que as mamães tenham preocupação em relação à qualidade do seu leite. Quando a mãe é vegetariana ou vegana, parece que ainda mais pessoas, além dela, se preocupam com essa questão. 

O leite humano contém aproximadamente 250 substâncias bioativas (dentre elas probióticos e anticorpos), vitaminas, proteínas, açúcares, gorduras e água. Vários fatores podem influenciar sua composição: o estado nutricional da mãe, a fase da lactação, bem como o estado de saúde do bebê e até mesmo o horário do dia. 

Uma alimentação rica e variada traz inúmeros benefícios durante o período da amamentação. As dietas vegetarianas saudáveis e bem planejadas não ficam atrás na vantagem. Estudos comprovam que, de fato, o leite de mães vegetarianas e não vegetarianas são semelhantes na composição de macronutrientes, micronutrientes e vitaminas. Nas mamães vegetarianas estritas é importante manter e ajustar a suplementação de vitamina B12 e DHA.

Vale ressaltar que esse equilíbrio metabólico deve ser sempre feito com acompanhamento de profissionais qualificados, independente do hábito alimentar. Com a avaliação médica e nutricional periódica, é possível observar de perto a saúde da mãe e do bebê. 

Seguindo-se as recomendações, o aleitamento materno do bebê vegetariano é seguro, completo e suficiente. Além disso, como vantagem, foram encontrados menores teores de agrotóxicos no leite de mães vegetarianas.

Dizer que a dieta vegetariana é insuficiente para a produção do leite materno é mais um mito relacionado à amamentação! Busque sempre profissionais de confiança para lhe orientar. Entre em contato com a equipe da Clínica Vida Vegana e agende sua consulta. 

No Comments

Post A Comment

WhatsApp chat